We use cookies to personalise content and ads, to provide social media features and to analyse our traffic. Read more…
Tuesday
08
MAY

Palavratório: O Que Há Nos Discursos E Por Trás Dos Discursos

19:00
22:00
BREU
Event organized by BREU

Get Directions

Category
#var:page_name# cover

PALAVRATÓRIO: O QUE HÁ NOS DISCURSOS E POR TRÁS DOS DISCURSOS

com Ana Luisa Lima

---------------------------------------------------------------

PARA INSCRIÇÕES: https://goo.gl/forms/vuQSByF79aaXaHe22

8 de maio a 26 de junho
terças-feiras
19h às 22h

R$300,00 / mês

---------------------------------------------------------------

O curso, de dois meses* (8 encontros), traz como foco o pensamento reflexivo sobre as construções de discursos nas artes visuais, notadamente no Brasil, a partir de autores de campos de conhecimentos diversos. A ideia é que pensemos coletivamente aspectos dessa construção: qual o contexto histórico e político, quem são as/os protagonistas desses discursos, onde e como acontece essa produção. Esse grupo é indicado para qualquer pessoa interessada em discutir os assuntos propostos, bem como, participar de ações conjuntas: de debate, escrita, produção de projetos, fazeres artísticos. O desejo do curso é que ao final possamos trabalhar juntos numa publicação.

*dependendo do interesse do grupo e disponibilidade do espaço pode ser estendido.


O curso se desenvolve em dois atos:

1. Compartilhamento: tem a intenção de introduzir alguns textos historicamente importantes, do campo das artes visuais, filosofia, ciência política, como: “O que é política?” (Hannah Arendt), “Arte, linguagem internacional” (Mario Pedrosa), “A partilha do sensível” (Jacques Rancière), “Pode o subalterno falar?” Gayatri C. Spivak, “Anos 60: da arte em função do coletivo à arte de galeria” (Aracy Amaral), “Arte neoconcreta uma contribuição brasileira” (Ferreira Gullar), “Cartas” (Lygia Clark e Hélio Oiticica) e “Manifesto da Natureza Integral” (Pierre Restany). Outros textos mais recentes de autoras como Lisette Lagnado, Daniela Castro, Lígia Nobre, também serão visitados. A partir dessas leituras serão discutidos alguns aspectos da arte contemporânea no Brasil, como se constroem os discursos, e quais são as possibilidades de leituras de algumas narrativas dentro deste repertório.

2. Interlocução: estimulados pelas leituras, as/os participantes serão convidados a pensarem seus próprios trabalhos (sejam esses artísticos e/ou teóricos), (re)encontrar suas referências e propor diálogos possíveis a partir de um ou mais conceitos compartilhados.

-----------------------------------------------------------------

Ana Luisa Lima (1978), nasceu em Recife, atualmente, baseada em São Paulo, é crítica de arte, escritora e pesquisadora independente com foco em literatura e artes visuais – imagem e narrativa. Editora da revista Tatuí (2006-2015), participou de debates, promoveu residências editoriais, ministrou laboratórios de escrita em crítica de arte em vários estados brasileiros. Participou da concepção e desenvolvimento do projeto Carta de Intenção – Edição Campinas, residência de experimentação da escrita em artes visuais, Proac-SP, 2013. Cocuradora do projeto ‘Poemas aos homens do nosso tempo – Hilda Hilst em diálogo’, Programa Rede Nacional Funarte 9ª edição, 2013. Criadora da Cigarra Editora. Autora do livro ‘16’39” a extinção do reino deste mundo’, São Paulo-SP, 2015. No audiovisual, lançou seu primeiro curta-metragem ‘Zona Habitável’ (13′, Nova Lima – MG, Brasil, 2015). Já fez curadorias, escreveu e publicou ensaios sobre artistas e fotógrafos/as como Farnese de Andrade (BR), Luiza Baldan (BR), Yuli Yamagata (BR), Marcelo Silveira (BR), Gil Vicente (BR), Nazareno (BR), Thiago Martins de Melo (BR), Leonora Weissmann (BR), Pedro Motta (BR), Felipe Abreu (BR), Carolina Krieger (BR), Simone Siss (BR), Luana Navarro (BR), Marco Maria Zanin (IT), Stéphane Pauvret e Christine Laquet (FR). Seus ensaios já foram traduzidos e publicados em espanhol, inglês, francês e italiano.

Venue

BREU