We use cookies to personalise content and ads, to provide social media features and to analyse our traffic. Read more…
Saturday
28
APR

Sarau da Casa do Artista Riograndense

15:00
19:00
Casa do Artista Riograndense
Event organized by Casa do Artista Riograndense

Get Directions

Category
#var:page_name# cover

A arte é viva, é livre e é linda!

Por isso, convidamos você a participar de mais um Sarau da Casa do Artista Rio Grandense (CAR).

A primeira edição deste ano, no dia 28 de abril, estará repleta de atrações.

Nosso Varandão Cultural vai receber apresentações de dança, música, poesia, radioteatro e outras expressões artísticas.


A entrada é franca e a contribuição é voluntária.


Nas próximas semanas, estaremos divulgando os artistas que farão apresentações no Sarau.



RADIOTEATRO: Uma das principais atrações da Casa do Artista Riograndense são as apresentações de radioteatro, escritas pelo residente mais antigo da Casa, Wilson Gomes. Desde a juventude, Wilson escreveu, atuou e produziu histórias para esta forma artística tão rara e pouco valorizada atualmente.


SOBRE O SLAM: Slam Poetry é um formato de competição de poesia falada criado por um operário da construção civil e poeta norte-americano, o Mark Kelly Smith, em 1986 num bairro de classe trabalhadora em Chicago. A ideia era popularizar a poesia falada em contraponto aos círculos acadêmicos fechados. E a ideia se espalhou. Já são realizados slams em países da América do Norte, do Sul, da Europa e da África. No Brasil, o primeiro realizado foi o ZAP! (Zona Autônoma da Palavra), em São Paulo, no final de 2008. De lá pra cá, esse movimento só cresceu no país e, nos últimos anos, se popularizou e se espalhou por vários estados. No Rio Grande do Sul, os slams chegaram no início de 2017. No último ano, coletivos se organizaram para realizar slams em Porto Alegre, Esteio, Alvorada, Cachoeirinha e Viamão. Já são mais de 10 no estado.

ACEITAMOS DOAÇÕES: Os saraus são uma forma de valorizar a arte, os artistas residentes e solidários, promover a cultura e auxiliar no sustento da instituição, que sobrevive apenas de doações. Não é cobrada entrada para assistir às apresentações, mas para quem desejar colaborar, a casa aceita doações de alimentos não perecíveis, leite, ou quantias financeiras


SOBRE A CASA DO ARTISTA RIO GRANDENSE (CAR)

Fundada em 1949 pelo radialista e músico Antônio Francisco Amábile, com o apoio de artistas de diversas áreas, a CAR é uma entidade assistencial sem fins lucrativos, qualificada como de utilidade pública municipal e estadual. Tem por finalidade prevista em seu Estatuto Social, oferecer abrigo para artistas com mais de 60 anos em situação financeira instável. Oferece gratuitamente moradia, alimentação sempre buscando propiciar condições de bem-estar, lazer e cultura para os idosos que nela residem.​