We use cookies to personalise content and ads, to provide social media features and to analyse our traffic. Read more…
Friday
06
APR

Vou Pro Sereno Em Criciúma

23:00
05:00
X9 Promoções
Event organized by X9 Promoções

Get Directions

Category
#var:page_name# cover

O primeiro trabalho foi realizado por dois anos no “Disco Voador", uma casa de show bem tradicional em Marechal Hermes - Zona Norte/RJ.
Devido ao sucesso que o grupo alcançou o músico Sombrinha (Ex- Fundo de Quintal), fez um convite para o grupo compor sua “banda base”. O projeto foi realizado por uma longa temporada, e alcançou grande sucesso no Teatro João Caetano - Centro/RJ.

Em 2008, com muito trabalho, determinação e com auxílio de empresários, o grupo gravou seu primeiro CD. Logo em seguida, o grupo ganhou notoriedade e foi introduzido nos departamentos artísticos de grandes rádios cariocas, com canções como: “ESSA PRETA”, “VOU PRO SERENO” e “LOGO DOU UM JEITO”, e passou também a fazer parte de projetos assinados por grandes compositores de renome, como: Xande de Pilares, Felipe Silva, André Renato, Charles André, entre outros.

Ainda em 2008, o grupo recebeu a notícia de que já existia um grupo com o nome Sereno, e então após uma pesquisa o nome foi modificado para VPS - VOU PRO SERENO. Pois, o grupo já era bastante conhecido e não seria prudente uma mudança radical no nome.

Em 2011 foi gravado o primeiro DVD do grupo, na Lona Cultural Gilberto Gil em Realengo - Zona Oeste/RJ. Com uma prévia do repertório do DVD 2011, os sambistas apresentam em seus shows, uma mistura de ritmos, que vão do Pagode ao Axé, e do Samba à MPB.
O refrão da música Mulher não manda em homem, "Deixa eu beber em paz, ô mulher, deixa eu beber em paz...”, sucesso irreverente na voz firme e expressiva de Júlio Cesar, se tornou um "bordão" entre amigos , fãs e público em geral dos shows realizados pelo grupo.
E ainda o grupo foi presenteado com a participação do amigo e grande músico "Mumuzinho" na música "Quero mais".
Elogios e aplausos são comuns nos shows, devido a qualidade dos músicos e também a versatilidade de cada um deles.