We use cookies to personalise content and ads, to provide social media features and to analyse our traffic. Read more…
Wednesday
11
APR

Cine IDEA: Sessão de curtas

19:00
22:00
Idea Casa de Cultura
Event organized by Idea Casa de Cultura

Get Directions

Category
#var:page_name# cover

Cine IDEA | 1ª Ciclo de Debate sobre o Cinema Latino-Americano
Programação completa: 04/04, 11/04, 18/04, 25/04 e 02/05

---

11 de abril (quarta-feira) | 19h
Filmes:
1. El Mégano (Cuba, 1955)
Direção: Julio García Espinosa e Tomás Gutiérrez Alea.
2. Pedreira de São Diogo (Brasil, 1962)
Direção: Leon Hirszman.
3. Hanoi, Martes 13 (Cuba, 1967)
Direção: Santiago Álvarez.
4. Venceremos (Chile, 1970)
Direção: Pedro Chaskel e Héctor Ríos

Comentários: Marco Túlio Ulhôa (UFF)
Entrada gratuita
Retirada de senha a partir de 18h30 (sujeito à lotação)

---

No mês de abril, o Cine IDEA recebe a programação do I Ciclo de Debate sobre o Cinema Latino-Americano. Evento que pretende discutir a importância artística e cultural da produção cinematográfica realizada na América Latina, promovendo o acesso e a análise dos filmes que marcam a história da sétima arte produzida no continente. Na sua primeira edição, o ciclo lança um olhar retrospectivo em torno do período que compreende a ascensão do cinema moderno, entre as décadas de 1940 e 1960, abordando as influências do Neorrealismo Italiano e da Nouvelle Vague francesa na revolução estética e na politização do cinema latino-americano, culminantes na consolidação do movimento que ficou conhecido como o Nuevo Cine Latinoamericano. Processo que marca as produções realizadas no período e amplia a compreensão da atual filmografia latino-americana.

>> SESSÃO 11/04

Filmes: El Mégano (Cuba, 1955), Direção: Julio García Espinosa e Tomás Gutiérrez Alea // Pedreira de São Diogo (Brasil, 1962), Direção: Leon Hirszman // Hanoi, Martes 13 (Cuba, 1967), Direção: Santiago Álvarez // Venceremos (Chile, 1970), Direção: Pedro Chaskel e Héctor Ríos

Sinopse: Sessão dedicada à exibição de quatro curtas-metragens ligados ao cinema político latino-americano que têm como temática central, a questão do trabalho e da luta de classes. Em, "Él Megano", os percussores do cinema revolucionário cubano, Julio García Espinosa e Tomás Gutiérrez Alea, mostram a vida de uma população de carvoeiros aos redores de Havana, em um momento prévio à Revolução Cubana. No curta, "Pedreira de São Diogo", o cineasta brasileiro Leon Hirszman retrata a histórica dos funcionários de uma pedreira que se mobilizam para impedir uma detonação capaz de destruir os barracos da favela existente no local. O documentário "Hanoi, Martes 13", de Santiago Álvarez registra o cotidiano da capital vietnamita entre o percalço da guerra e as tarefas diárias de sua população. Por fim, "Venceremos" é uma colagem de imagens que mostram os dois lados de uma sociedade. O da pobreza e o da riqueza. Ao longo do documentário, esse antagonismo é mostrado revelando uma parcela da população em condições insalubres e, por outro lado, o cotidiano burguês.

>> SOBRE Marco Túlio Ulhôa
Doutorando do Programa de Pós-Graduação em Comunicação da
Universidade Federal Fluminense, na linha de pesquisa de Estudos de Cinema e Audiovisual.


---
PRALA - Plataforma de Reflexão sobre o Audiovisual Latino-Americano
https://pralauff.wordpress.com/

info@ideacultura.com.br
www.ideacultura.com.br