We use cookies to personalise content and ads, to provide social media features and to analyse our traffic. Read more…
Tuesday
24
APR

Zigur & Fuga no Maus Hábitos #2

22:00
04:00
ZigurArtists
Event organized by ZigurArtists

Get Directions

Category
#var:page_name# cover

Abertura de portas — 22h00

🔲 Mathilda
🔲 P A L M I E R S
🔲 Tresor&Bosxh
🔲 João Carvalho b2b Terzi (dj-set)

⚪️ concertos + dj set — 5 euros
⚫️ dj set — 3 euros
——
Abril é mês de músicas mil. Inspirados pela mais pura das verdades populares, regressamos ao Maus Hábitos, esse porto seguro que começamos lentamente a chamar de casa e onde prometemos fazer esquecer uma eventual mudança súbita da temperatura que se sinta lá fora.

Mathilda — diga-se o que quiser de Portugal e dos portugueses, mas se há algo de que não nos podem acusar é de não nos correr música no sangue. É longa a nossa tradição no que a cantautores diz respeito, com luminários desta e de outras gerações a despontarem dos restantes munidos apenas de uma voz e guitarra ao peito. É na ponta final de uma história que viu nascer Godinho, Fausto, Zeca Afonso, Benjamim, Sarnadas, Gobi Bear, entre tantos outros, que surge agora Mathilda. Embrenhada nas raízes da família Planalto Records (a casa da folk talhada neste jardim à beira-mar plantado), a cantautora vai percorrendo o seu caminho pacífico, à procura de encontrar o seu lugar neste longo conto, segura da voz, do vigor, da fantasia e da inocência tão própria dos jovens que nós também já fomos. Abra-se caminho para o encantamento de Mathilda.

https://youtu.be/I2Fv_95pkf8

P A L M I E R S — Têm nome de doce, mas este trio de arraiais assentes no Porto está bem mais próximo de uma bebida - em particular daqueles cocktails encharcados em álcool diluído num sumo de frutas, que mal se dá por ele até bater todo de uma vez quando menos estamos a contar e que sabem tão bem ao sol como à frente da lareira, numa cave suada ou num salão inundado de luz. Más analogias à parte, esperamos dos Palmiers uma fusão mais ou menos controlada de math-rock, jazz-fusão e funk do mais peganhento. Depois do encontro feliz no TRC ZigurFest de 2017, ansiamos pelo confronto direto entre aqueles riffs gostosos e as nossas pernas bamboleantes.

https://bit.ly/2Ij41Kt

Tresor&Bosxh — duo entretanto alargado a trio, onde a kosmische, o kraut e o psicadelismo convivem nas suas variações mais dançantes. Sem receios de mirar o infinito e percorrê-lo com a persistência de um corredor de fundo, os Tresor&Bosxh regressam à Cidade Invicta galvanizados pelo fulgor do "Grocery" (edição Honeysound/ZigurArtists). Seguindo as pistas do EP homónimo, guitarra, sintetizadores e bateria juntam-se num vórtice irresistível, multi-colorido e tantalizante que dificilmente passa despercebido. Agremiação única para fazer dançar, libertar o corpo e caminhar em direção a uma certa transcendência.

https://zigurartists.bandcamp.com/album/grocery

João Carvalho b2b Terzi – Como é nosso apanágio, a noite fecha em altas temperaturas bem no centro da pista. Corpos e corações ao alto, pelas mãos de João Carvalho, que há mais de uma década se tem apresentado como um dos interlocutores do diálogo eterno entre o techno e o house, fruto do consumo diário, quase compulsivo, de todos os géneros que cabem no universo prolífero da música electronica. Ao seu lado estará Terzi, patrão da Extended Records e um dos mentores da incendiária Segmenta, que tem iluminado o caminho de todos com quem se cruza com as doses generosas de sapiência e de dedicação – seja no digging quase infinito, nas escolhas sempre certeiras e apetecíveis, ou ainda na programação cirúrgica que tem promovido em pistas de norte a sul do país. Não podíamos estar mais felizes por contar com eles.

Textos de António M. Silva