We use cookies to personalise content and ads, to provide social media features and to analyse our traffic. Read more…
Wednesday
04
APR

Exposição de fotos " Sólido, Líquido e Gasoso" de Emilio Speck.

09:00
18:00
Quarta Cultural Sicredi
Event organized by Quarta Cultural Sicredi

Get Directions

Category
#var:page_name# cover

Sólido, forte, maciço, de dureza e fragilidade, de forma e volume constantes. Na luta incessante contra o líquido transformador, que mutila e dá nova forma. É dito um fluido, aquilo cuja forma é usualmente determinada por algo que o contém. Nada pode ser contido eternamente. Nem o mar, nem os sentimentos humanos represados em uma sólida estrutura corporal ou social. Gasoso, volátil, livre resultado do combate e em contínuo movimento até nova transformação.

Neste trabalho, busco, além da estética visual da paisagem, o vislumbre, através das cores e formas, da relação dos sentimentos humanos naturais e primitivos em conjunto com os elementos. Podemos, também, utilizar a mesma relação filosófica de comparação com a sociedade atual, onde nos sólidos encontramos o físico, o corpo, as ideologias e conceitos arraigados, antigos e permanentes. No líquido, as emoções, sentidos transformadores e revolucionários, a fragilidade das relações modernas. Finalmente, no gasoso, o sublime, a elevação, o aprendizado alcançado, o distanciamento entre as moléculas sociais, o efêmero das relações modernas.

Mar, origem da vida e da transformação. Energia viva de eterno desafio e encorajamento. Muito se escreveu sobre o mar e os sentimentos dos que o entendem. A meu ver, Ernest Hemingway e Valter Hugo Mãe absorveram a sua essência.